escavação de rochas explicação

Escavação de Rochas: conceitos básicos e etapas

No universo da engenharia, a etapa de escavação de rochas está intimamente associada a mecanismos de estudos iniciais envolvendo classificações atreladas às propriedades físicas e mecânicas das rochas. Essa classificação, dentre outros aspectos, se baseia na aglomeração de minerais e suas proporções. Isso porque a estrutura granular da rocha, textura e origem servem como alguns dos parâmetros para a classificação da rocha à ser escavada - parâmetros esses que indicam a resistência e coesão da rocha. Outro fator de estudo envolvendo rochas são as descontinuidades. Falaremos mais profundamente sobre as fraturas das rochas em um outro texto aqui no blog da Valmon Engenharia.

Vencidas as etapas de investigação da caracterização do maciço rochoso e identificada a classificação geomecânica, inicia-se a etapa de planejamento. Nesse estágio, são apontados os equipamentos de engenharia mais adequados para a execução da escavação e cálculos que preveem os custos (tantos m³ de determinado material) bem como sequenciamento da escavação. A exatidão dos estudos (como prospecção e sondagem) e definição da narrativa de escavação de rochas é uma medida fundamental que evita atrasos e alteração nos custos de um projeto.

Um aspecto comparativo importante entre a escavação em solo e a escavação de rochas é que (guardadas as devidas proporções) apesar de a rocha ser considerada mais competente que o solo e gerar menor número de problemas com fundações ou estruturas, a escavação de rochas, via de regra, supera a escavação em solo em termos de custos. 

Uma das regras básicas antes de se iniciar os serviços de escavação de rochas (e escavação em solo), em se tratando de áreas urbanas, é certificar-se da presença de redes de água, esgoto, gasodutos, cabos elétricos e de telefone prevendo a integridade desses elementos. Além disso, deve ser providenciada a proteção a estruturas como muros e edificações nas proximidades da escavação em observância à legislação vigente.

Observados esses cuidados prévios, são realizados o desmatamento, destocamento e limpeza (escarificação) que contempla a remoção de toda a camada de solo sobre a rocha e inclusive camada de rocha decomposta que recobre o maciço rochoso alvo da operação.

Rock excavation 49+620 to 49+680 LS (1)

As justificativas para execução de escavações de rochas vão das mais simples às mais complexas. Por exemplo, uma das funções básicas da escavação mecânica de rochas é a remoção de blocos de rochas aflorantes em taludes, quando estes indicam riscos para a segurança dos agentes envolvidos com a obra e para os próprios usuários finais de um empreendimento. Por outro lado, escavações podem ser realizadas para fins de desobstrução de leitos de rios em decorrência de septos rochosos, como já mencionamos no artigo Derrocagem subquática: aspectos econômico-sociais.

Nos próximos textos, daremos continuidade sobre o tema escavação de rochas e se você quiser ser avisado e acompanhar todos as nossas dicas sobre engenharia de escavação, curta a nossa página oficial no Facebook. Essa é a melhor forma de se manter atualizado sobre os artigos do blog da Valmon Consultoria e Treinamento.

 Gostaria de ser avisado quando novos artigos forem disponibilizados (clique aqui)

Crédito da capa desse post

Comentários