explosivos em valas

Desmonte de Rochas em Valas: conceitos e explicação

Em artigo anterior no blog da Valmon Engenharia, falamos sobre o uso de explosivos na construção civil. Nesse texto, você vai aprender sobre desmonte de rochas em valas. Existem diversas técnicas de escavação empregando explosivos. No tocante à regulamentação brasileira, a NR 18 aborda o universo das escavações, fundações e desmonte de rochas em termos de medidas de segurança à serem adotadas antes, durante e após as intervenções de engenharia.

Além da NR 18 existem portarias emitidas pelo exército que determinam regras mínimas para o uso, transporte, manuseio e armazenamento de explosivos. Entretanto, deixaremos o tópico sobre legislação para outro texto o qual publicaremos aqui no blog da Valmon Engenharia.

Leia mais

escavação de rochas explicação

Escavação de Rochas: conceitos básicos e etapas

No universo da engenharia, a etapa de escavação de rochas está intimamente associada a mecanismos de estudos iniciais envolvendo classificações atreladas às propriedades físicas e mecânicas das rochas. Essa classificação, dentre outros aspectos, se baseia na aglomeração de minerais e suas proporções. Isso porque a estrutura granular da rocha, textura e origem servem como alguns dos parâmetros para a classificação da rocha à ser escavada - parâmetros esses que indicam a resistência e coesão da rocha. Outro fator de estudo envolvendo rochas são as descontinuidades. Falaremos mais profundamente sobre as fraturas das rochas em um outro texto aqui no blog da Valmon Engenharia.

Read More

derrocagem subquática

Derrocagem subquática: aspectos econômico-sociais

Em artigo anterior no blog da Valmon Engenharia, falamos sobre o conceito de derrocagem e informações básicas acerca da operação. Sugerimos que você leia o texto Derrocagem: o que é derrocagem, definição e conceitos para melhor se informar.

Nesse texto, daremos continuidade ao assunto detonação subaquática. No livro I – A Riqueza das Nações de Adam Smith é possível encontramos:

Uma carroça de rodas largas, servida por dois homens e puxada por oito cavalos, leva aproximadamente seis semanas para transportar de Londres a Edimburgo — ida e volta — mais ou menos 4 toneladas de mercadoria. Mais ou menos no mesmo tempo um barco ou navio tripulado por seis ou oito homens, e navegando entre os portos de Londres e Leith, muitas vezes transporta— ida e volta — 200 toneladas de mercadoria. Portanto, seis ou oito homens, por transporte aquático, podem levar e trazer, no mesmo tempo, a mesma quantidade de mercadoria entre Londres e Edimburgo que cinqüenta carroças de rodas largas, servidas por 100 homens e puxadas por 400 cavalos. Para 200 toneladas de mercadorias, portanto, transportadas por terra de Londres para Edimburgo, é necessário pagar a manutenção de 100 homens durante três semanas, e o desgaste e a mobilização de 400 cavalos, mais o de 50 carroças de rodas largas. Ao contrário, essa mesma quantidade de mercadorias, se transportada por hidrovia, será onerada apenas pela manutenção de 6 ou 8 homens, e pelo desgaste e movimentação de um navio ou barco com carga de 200 toneladas, além do valor do risco maior, ou seja, a diferença de seguro entre esses dois sistemas de transporte.

Leia mais

Derrocagem o que é, definição, conceitos e dados técnicos

Derrocagem: o que é derrocagem, definição e conceitos

O que é derrocagem? – Você certamente já ouviu o termo ‘derrocar’ sendo empregado em algum contexto como: a corrupção derroca o país ou a montanha se derrocou com o terremoto. De acordo com o dicionário Houaiss o verbo ‘derrocar’ significa pôr, vir abaixo.

Aqui a palavra ‘derrocar’ será empregada com o sentido de intervenção da engenharia que almeja a remoção de obstáculos compostos de formações rochosas presentes no leito de um rio ou mar.

Leia mais